Menu Kosher para casamento: 6 sugestões deliciosas para a recepção

Menu Kosher

Menu Kosher para casamento: 6 sugestões deliciosas para a recepção

Muitas noivinhas judias adorariam uma recepção bastante tradicional, mas podem estar se sentindo sem ideias, ou até com dificuldades de encontrar um serviço de buffet tradicional judeu. Por isso separamos 6 sugestões deliciosas do menu Kosher para você.

Ninguém precisa pagar o olho da cara para comer uma boa comida!

Kosher: o que é?

Para as noivas que não são judias e devem estar se perguntando o que é Kosher, vamos devagar. Explicaremos tudo!

Falamos sobre o casamento judaico aqui no blog, apresentando os costumes e tradições desse casamento religioso muito lindo! E a alimentação Kosher nada mais é do que o alimento permitido aos judeus, de acordo com a sua lei.

Literalmente significando “próprio” ou “correto”, a alimentação Kosher é dividida em três categorias: carne, laticínio e parve. A carne e os laticínios jamais devem ser consumidos juntos, e parve são os alimentos que não são nem carne, nem laticínios.

A lei judaica define que não se misture os utensílios usados para fazer esses alimentos, por isso é necessário ter diferentes jogos de panela, colheres, pratos, etc.

Fazer ou não?

Como é de se imaginar, contratar um fornecedor de comida Kosher pode sair bem caro, já que é necessário ter diferentes utensílios para fazer cada tipo de comida. Seria necessário ter uma cozinha para carne e outra para laticínio e higienizar cada utensílio da cozinha de acordo com a lei judaica.

Por isso é fundamental pensar bem quando o assunto for os alimentos do casamento. Hoje em dia muitas adaptações podem ser feitas, mas também é importante definir se a alimentação pode causar desconforto em alguns convidados mais religiosos e restritos.

Uma boa opção é utilizar a parve, que continua sendo uma comida Kosher, mas não precisa vir necessariamente de um fornecedor específico. Alimentos como ovos, peixe, legumes e frutas são todos parve.

As especificações da alimentação Kosher

Como já dissemos antes, a carne e o laticínio não devem ser misturados. Porém existem outras restrições da comida Kosher.

Em primeiro lugar, existem carnes que não devem ser consumidas, de acordo com as leis bíblicas seguidas pelos judeus. As carnes permitidas são as de vaca, carneiro, bode e cervo e as aves o frango, peru, faisão e o pato.

Os peixes também são restritos, sendo permitidos apenas os que tem barbatanas e escamas. Por isso frutos do mar tais como o camarão, não são permitidos.

A carne Kosher também é singular no abatimento do animal e na sua preparação. Para que uma carne seja considerada Kosher ela não pode ser consumida com o sangue do animal.

Ideias para um menu Kosher

Uma alternativa para um menu Kosher que não seja tão restrito, é um menu estilo Kosher, que pode ser chamado também de menu não-ofensivo.

O chef desse menu não poderá misturar carne com laticínio, mas pode se sentir livre para usar qualquer comida parve. Uma boa opção é servir peixe e legumes de refeição principal, além de frutas para a sobremesa.

As sugestões

Separamos algumas sugestões de menu Kosher, com duas opções de entrada, duas de prato principal e duas sobremesas. Nem precisa ser da religião judaica para se permitir essas delícias 😋

Entradas

Salada de palmito com molho cremoso de abacate

Menu Kosher 1Ingredientes:

1 abacate maduro
2 colheres de sopa de maionese feita com azeite
Raspas e suco de 1 limão
2 colheres de sopa de azeite extra-virgem
2 latas de palmito cortados em fatias grossas
2 talos de aipo, finamente cortados
4 cebolinha fatiadas
Sal kosher
Pimenta preta moída na hora
Folhas de alface
Enfeite: sementes de romã, salsa picada

Modo de preparo:

  1. Bata o abacate, maionese, casca de limão com o suco e azeite em um processador de alimentos ou liquidificador até que se torne um purê cremoso e grosso. Faça antecipadamente, pois é necessário colocar em um recipiente coberto e guardar na geladeira por até 2 dias.
  2. Misture os palmitos, aipo e cebolinha em um recipiente e tempere com sal e pimenta.
  3. Divida a mistura de palmito entre folhas de alface e regue com o molho de abacate. Enfeite com sementes de romã e salsinha picada a gosto.

Tortinhas parve de espinafre

Tortinhas parve de espinafre

Ingredientes:

1 pacote de massa de torta
280 gramas de espinafre picado
1 cebola grande picada
3 dentes de alho picados
1/4 xícara de leite de soja ou de coco
2 ovos grandes
2 colheres de sopa de salsa picada (opcional)

Modo de preparo:

  1. Preaqueça o forno a 180 graus.
  2. Asse as tortinhas até que estejam levemente douradas.
  3. Cozinhe o espinafre em água fervente por 10 minutos até amolecer e drene todos os líquidos usando um coador ou uma toalha de papel
  4. Enquanto isso, em uma panela quente refogue a cebola e o alho em óleo vegetal ou azeite de oliva. Assim que eles estiverem macios adicione o espinafre escorrido e cozinhe por mais 10 minutos.
  5. Em uma tigela, bata os ovos com leite de soja ou coco, salsa, sal e pimenta. Dobre sobre a mistura de legumes salteados assim que estiver fria e coloque 2 colheres de sopa em cada casquinhas de torta. Asse por 25 minutos ou até que o recheio fique dourado e firme.

Pratos principais

Peito de frango assado com molho balsâmico

Peito de frango assado com molho balsâmicoIngredientes:

1 xícara de manjericão, folhas apenas
1/2 xícara de azeite
6 dentes grandes de alho
Pimenta grossa moída a gosto
1 xícara de vinho branco seco
5 peitos de frango inteiros e sem osso
1⁄4 xícara de vinagre balsâmico

Modo de preparo:

  1. Em um processador de alimentos, forme uma pasta com o manjericão, óleo, alho, pimenta e vinho. Transfira para uma tigela, misture bem com o frango e deixe marinar durante a noite.
  2. Pré-aqueça o forno a 230 graus. Organize os peitos de frango em uma camada junto com a marinada. Asse por 15 minutos. Adicione o vinagre e asse por mais 10 minutos. Deixe os peitos de frango descansando por apenas alguns minutos e, em seguida, corte cada peito, você terá 3 a 4 fatias grossas por peito. Sirva quente com todos os sucos da marinada.

Truta mediterrânea com salada de erva-doce

Truta mediterrânea com salada de erva-doceIngredientes:

Para a salada:

2 ramos pequenos de erva-doce, em fatias finas
2 colheres de sopa de alcaparras
1 limão, espremido
¼ xícara de folhas de salsa
2 colheres de sopa de azeite extra-virgem

Para o peixe:

6 trutas pequenas inteiras, limpas e cobertas com manteiga
1 cebola roxa pequena, descascada e fatiada
1 limão grande, finamente fatiado
1 salsa pequena
12 raminhos de orégano fresco
¼ xícara de azeite extra-virgem
1 colher de chá de sal kosher
Pimenta preta moída na hora

Modo de preparo:

  1. Em uma tigela pequena, misture a erva-doce, as alcaparras, o suco de limão, a salsa e o azeite e reserve.
  2. Preaqueça o forno a 200 graus. Coloque a truta em uma assadeira untada. Recheie cada peixe com fatias de cebola roxa, limão, raminhos inteiros de salsa e orégano. Regue com azeite e tempere com sal e pimenta.
  3. Asse de 15 a 18 minutos ou até que o peixe esteja firme e flácido. Sirva com a salada de erva-doce.

Sobremesa

Torta crocante de frutas vermelhas

Torta crocante de frutas vermelhasIngredientes:

3 xícaras de frutas vermelhas
2 colheres de sopa de açúcar
1 colher de chá de amido de milho
1½ colher de chá de água
½ colher de chá de suco de limão
½ xícara de aveia
¼ xícara de farinha de trigo
¼ xícara de açúcar mascavo
½ colher de chá de canela em pó
¼ xícara de manteiga vegana ou óleo de coco

Modo de preparo:

  1. Coloque as frutas em uma assadeira untada. Em uma tigela pequena misture o açúcar, amido de milho, água e suco de limão até ficar homogêneo. Despeje sobre as frutas.
  2. Misture a aveia, farinha, açúcar e canela com a manteiga vegana ou o óleo até que fique esmigalhado. Espalhe a massa sobre a cobertura de frutas.
  3. Se você gosta de cobertura extra, dobre os ingredientes da cobertura.
  4. Asse, descoberto a 190 graus por 30 minutos ou até que fique borbulhante e crocante.

Crema catalana

Crema catalanaIngredientes:

5 xícaras de leite de coco
3 a 4 tiras grossas de casca de laranja
3 a 4 tiras grossas de casca de limão
1 fava de baunilha ou 1 colher de sopa de extrato de baunilha
Pitada de sal kosher
2 paus de canela
1 xícara de açúcar + algumas colheres de chá para fazer a cobertura crocante
8 gemas de ovo levemente batidas
2 colheres de sopa de amido de milho

Modo de preparo:

  1. Mexa um pouco o leite de coco, as raspas de laranja, as raspas de limão, a baunilha, o sal, a canela e 1 xícara de açúcar em uma panela média em fogo baixo até o açúcar estar dissolvido. Deixe ferver. Desligue o fogo e deixe em infusão por 10 minutos.
  2. Bata o amido de milho e as gemas dos ovos juntos. Bata a mistura de leite de coco em gema de ovo, um pouco de cada vez. Retorne a mistura para a panela e em fogo médio, bata constantemente até que o creme fique bem grosso, cerca de 10 a 15 minutos.
  3. Coe e coloque em ramequins. Coloque um pedaço de plástico filme sobre os ramequins e leve ao menos 4 horas na geladeira ou de um dia para o outro.
  4. Pré-aqueça o forno ou pegue o seu maçarico! Remova os plásticos. Polvilhe açúcar em cima do creme e coloque os ramequins no forno por alguns minutos ou até que a crosta dourada do açúcar seja formada.
  5. Sirva!

Esse menu é simplesmente delicioso e simples de fazer! Pode ser feito em uma festa judaica ou simplesmente em uma noite de folga, por que não? Se escolher usar esse menu Kosher no seu casamento, tenho certeza que fará o maior sucesso!

E não esqueça de contar pra gente aqui nos comentários!

Um beijo,
Cris Françoise

Nenhum comentário

Adicione um comentário